Museu Escola - Unesp Botucatu /SP
Autotrofia e Heterotrofia

Alimentar-se de outro ou produzir o próprio alimento? 

 

Todos os seres vivos são compostos pelos mesmos tipos de macromoléculas: proteínas, carboidratos, lipídios e ácidos nucléicos. Mas como os seres vivos fazem para obter a matéria-prima ou seja, as biomoléculas fundamentais e a energia necessária para a polimerização?

A principal fonte de energia presente em nosso planeta, a energia solar, é produzida pela fusão termonuclear que ocorre no sol (fusão de átomos de hidrogênio em átomos de hélio). Esta fusão libera uma grande quantidade de radiação eletromagnética que atinge o nosso planeta na forma de radiação luminosa e térmica.

fotoss.jpg

 

A luz solar é a fonte última de toda energia biológica. As reações termonucleares no interior do Sol produzem radiação eletromagnética que é transmitida para a Terra na forma de luz. A luz é convertida em energia química pelas plantas e certos microorganismos, por meio da fotossíntese. Ilustração extraída deLehninger: Princípios de Bioquímica dos autores David L. Nelson e Michael M. Cox

 Alguns seres vivos podem capturar a energia luminosa, convertê-la em energia química e utilizar esta energia na fabricação de suas próprias biomoléculas fundamentais como os organismos fotossintetizantes. Quando um organismo é capaz de sintetizar algumas ou todas as unidades fundamentais (aminoácidos, nucleotídeos, ácidos graxos, etc.) a partir de compostos simples (material inorgânico) como gás carbônico (CO2), água (H2O) e amônia (NH3) é denominado autótrofo. Os autótrofos produzem seu próprio alimento ou nutrientes por meio da fotossíntese ou então da quimiossíntese. Como exemplo de organismos autótrofos podemos citar as algas, plantas, cianobactérias e alguns protistas (Euglena). Quando um organismo depende de materiais orgânicos pré-formados de outros seres vivos para obtenção de energia e síntese das biomoléculas de que necessita, como todos os animais, é denominado heterótrofo.

Alguns exemplos de seres vivos autótrofos (A – EuglenaB – Cianobactéria) e heterótrofos (C – cão e gato). Fotos extraídas respectivamente de www.xtec.cat; prokariotae.tripod.com;  josegeremias.dasalmas.zip.net

 

 

É importante que fique bem clara a diferença entre heterotrofia e autotrofia:

autotrofos.JPG

Como citar:

Autores: Marcelo Santos da Silva, Silvia Mitiko Nishida,
Data Publicação: 00/00/0000
Página: http://museuescola.ibb.unesp.br/subtopico.php?id=1&pag=11&num=1